Meu Arroz e Meu Fogão

Talvez alguns leitores se lembrem do meu caso com arroz.
Já postei aqui sobre a Papa de Arroz e aqui minhas dicas e segredinhos para um arroz soltinho.
Esses dias pela décima vez comendo o arroz da mamãe, perguntei para ela: “Mãe esse arroz tá tão gostoso e diferente” – “Usei Meu Arroz você ainda não experimentou? É super prático e o arroz fica soltinho, completou.
Confesso que esqueci completamente até que ontem avistei a caixinha na prateleira do supermercado e comprei para testar.
Estava com vontade de comer arroz purinho e resolvi experimentar o temperinho.
Para encurtar; não é preciso picar alho, nem cebola, ou usar qualquer outro ingrediente e a propaganda diz: 100% gostoso, branquinho, soltinho ou o seu dinheiro de volta. Aviso; isso não é jabá não.

Usei o Tradicional, para experimentar - Há três versões de sabores: a Tradicional (com alho, cebola e sal), Extra Alho (com alho e sal) e Extra Cebola (com cebola e sal).
É prático e rápido e excelente para quem tem pouco tempo para cozinhar - Basta refogar o arroz no óleo, jogar o pozinho do sachê e acrescentar água fervente.
Dica: Depois de pronto, para ajudar a secar um pouquinho o arroz é só colocar uma folha de papel absorvente entre a panela e a tampa e aguardar alguns minutinhos- Eu juro que dá certo
O Prato foi um presente, historia para outro post, e a Saladinha para ajudar a refrescar.
Ficou uma delícia viu!
Bom, já que fui para cozinha ter (todo esse trabalho), vou mostrar o final feliz sobre meu post, indignado com as Casas Bahia.
Depois da reforminha aqui de casa, queria comprar um novo fogão, exausta e louca para terminar de arrumar a casa... Resolvi deixar a história do fogão para outro momento.
Apresento meu Fogão Novo
Esse fogão ai tem nada mais nada menos que 40 aninhos de vida.

O mais incrível é o estado dele; nenhum defeito, nem mesmo arranhado - Estava escondidinho num canto na casa de uma tia do marido a caminho da doação...Quase surtei quando vi aquele fogão azulzinho, novinho, com abas, forno bom e estufa, ali esperando por mim...
E então, é ou não uma Brastemp!?

37 comentários:

  1. Olá Yvone,
    Adorei o seu fogão, viu?
    Lembrei-me da minha cozinha, logo que eu casei, era toda azul.
    E o fogão com aba é tão prático para apoiar as panelas né?
    Parabéns pela bela aquisição.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Uau, o fogão "vintage" é tudo de bom! Parabéns pela aquisição!
    Beijo
    Helena

    ResponderExcluir
  3. Yvone, agora você me levou numa viagem a jato sem escalas pra minha infância, nossa... O fogão da casa onde cresci era idêntico a esse teu, que tá perfeito, incrível ! E ainda por cima tem tudo a ver com a tua casa, ou to enganada ?

    Ah, obrigada mesmo pelo carinho lá no flickr, viu ? Você é muito especial :-)

    ResponderExcluir
  4. De volta ao tunel do tempo! Nossa! Voltei pra minha infância agora. Minha mãe tinha um absolutamente igual! Que lindo! Amei!
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi Yvone sabe que hoje mesmo passando pelo shoping eu vi um fogão meio beje, a cor era feia, mas o modelinho era antiguinho. fiquei pensando na minha cozinha e agora vejo o seu, que fofo, adorei viu? no apt que fico na praia o fogão e geladeira são antiguinhos também e gosto tanto de ir pra lá.Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Eu utilizo esses saches e dá certo mesmo - além de prático. Fogão retrô lindo e conservado, uma raridade!
    Abçs,
    Ana

    ResponderExcluir
  7. POis é... meu arroz fica meio papa ... eu até que gosto, mas meu marido faz um arrozinho bem soltinho, e muito gostozo, acho que vou experimentar a sua dica pra ver oque ele diz!!!
    E o fogão!! É muito bonito, lembro que minha mãe tinha um fogão azulzinho assim, e o fusca do meu pai era igualzinho, hehehehe, mas o dela não era assim um Brastemp!!
    beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Arroz é um problema. Aqui no Brasil aposentei os parbolizados porque o cheiro tem me incomodado. Na África uso o Bastami, é maraaaaaaaaaaaavilhoso e caríssimooooooooo. Mas como é só para mim, dá para fazer essa estravagância. É o melhor arroz que existe em minha modesta opinião. Seu fogão é uma Brastemp, lindíssimo. Beijocas!

    ResponderExcluir
  9. Yvonne, eu adoro esse Meu Arroz, uso direto e digo mais, nem refogo nem nada, ponho a agua para ferver, ponho o pó mágico, depois de ferver, ponho o arroz e voilá, prontinho depois de 20 min.!! A rainha da preguiça do lar sou eu!! Adorei o fogão!!! beijocas

    ResponderExcluir
  10. De onde vc tirou este não tem mais não??? é meu sonho de consumo....
    quando era mais nova (a varias decadas atras) minha mãe tinha um, só que amarelo... infelismente não sei que fim levou.... beijos....

    ResponderExcluir
  11. Oi, Yvone!
    Nossa! è antigo e lindo! Já tivemos assim azulzinho na família! Estas laterais para apoiar coisas são uma mão na roda né?! Um tesouro seu fogão!!!

    ResponderExcluir
  12. Yvone, eu já conhecia o Meu Arroz. O que não conhecem, é "o meu arroz"...rsrs
    Sabe que não sou muito de arroz, mas gosto do Ráris 7 Grãos e do negro. Qualquer dia, vou mostrar como faço pra que ele fique macio e soltinho.
    O prato é uma coisa linda e o fogão, fofo!

    ResponderExcluir
  13. Yvone, minha mãe tinha um fogão nesse estilo amarelo claro, mas não aguentou o tranco e teve que trocá-lo mesmo rsrs.
    O meu fogão também é uma Brastemp, comprei aquele com economia A e parece que demora demais pra cozinhar, se bem que já me acostumei, agora minha mãe, uma tia e uma prima que também cozinharam nele reclamaram até rsrs. O arroz saia sempre estilo "unidos venceremos", mas agora já acertei a mão.
    Vou parar de comer arroz, feijão, batata, mandioca e frituras deliciosas para emagrecer uns quilinhos, já fiz essa dieta com auxílio médico e emagreci com saúde, agora preciso de novo.
    Beijos

    ResponderExcluir
  14. É uma brastemp! Meu primeiro fogão foi assim de abainhas que eram minhas duas ajudantes. Mas como compramos ele de, sabe-se que mão, certamente não foi segunda... depois de vários anos eleficou feiosinho, o forno lento... compramos outro, mais moderno e... ... sem alças. Fiquei sem minhas assistentes que me fazem muuuuuita falta.
    bj

    ResponderExcluir
  15. Aaaaaaaaaaai socorro Ivone... que fogão mega ultra blaster lindo!

    ResponderExcluir
  16. Menina, eu não sou louca por arroz e, talvez por isso, também não sei fazer arroz direito, tanto que tivemos que comprar uma panela elétrica, que resolveu o problema definitivamente, por fazer um arroz excelente. Mas, de qualquer forma, vou comprar o produto, quem sabe não deixe o arroz ainda melhor?

    E sobre o fogão, minha mãe tinha um igualzinho, na época em que a cozinha dela era toda azul.

    beijos

    ResponderExcluir
  17. Aaaaaaaahhhhhhh, Yvone, que fogão mará!!! Amei!!! Como pode alguém doar uma relíquia destas,né? Mas sorte sua!!!
    Yvone, ainda bem que acabei de almoçar, este arroz me deu água na boca, e vou correndo comprar este pozinho aí!!!
    Amiga, se vc. quiser comprar online entre no extra, eu comprei meu fogão ali. O cadastro é rapidinho!!!
    Beijossssssssssssss e tudo de bom
    Vero

    ResponderExcluir
  18. Olá Yvone...

    Fiquei feliz com o seu post...vc é mais uma que recuperou os fogões antigos...De uma olhada no meu blog e veja o meu é amarelinho...eles são maravilhosos...os novos de hoje não duram nada...parabens pelo seu a cor é linda...o meu combinou com a minha cozinha amarelinha....
    Beijos...

    ResponderExcluir
  19. Adorei o fogão (relíquia, placa preta), mas o tempero...
    Não gostei porque acho que fica o gosto do aginomoto...

    http://casadefazdeconta.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  20. Adorei o fogão (relíquia, placa preta), mas o tempero...
    Não gostei porque acho que fica o gosto do aginomoto...

    http://casadefazdeconta.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  21. Ai que nostalgia, o seu fogão é igualzinho ao fogãozinho que minha falecida mãezinha tinha...ela comprou de 2ª mas adorava aquele azulzinho.

    Por falar no arroz, eu já usei este condimento mas a minha cunhada me ensinou que esse pulo do gato do papel toalha pode ser usado em qualquer tempero.

    Eu faço assim:
    Fervo a água, frito o arroz com alho, cebola picadinha e fio de óleo. Logo eu derramo a água fervida até que cubra o arroz. Deixo ferver em fogo alto e alguns minutinhos abaixo para cozinhar em fogo baixo...Antes de secá-lo totalmente eu apago o fogo, coloco um papel toalha e tampo. Dá o mesmo efeito!!!

    Ah te convido para conhecer meu cantinho:
    http://dadivadivinadedeus.blogspot.com/

    Um beijão!!!
    Aline

    ResponderExcluir
  22. Tudo perfeito!
    Arroz soltinho,
    prato lindinho
    e fogão antiguinho
    que mais que essa mulher quer da vida?!rss
    bjoca

    ResponderExcluir
  23. Santinha que delicia de post,primeiro pelo arroz,que por um acaso ja uso este santo sachê,segundo pelo pratinho lindo e por este fogãodoreime fez recodar o que tinhamos na casa de minha mãe nesta mesma cor,um luxo!amei tudo e grane xero

    ResponderExcluir
  24. Yvone, a barriga ronca desesperadamente por aquele prato de arroz, mas suspirei tambem pelo fogaozinho, quase uma reliquia cuida bem dele. Tem uma cadeira sua la no blog Decoraçao & Design voce viu?
    bjks

    ResponderExcluir
  25. Que fomee...rsrsrs
    Adoro Meu Arroz...para todas as horas...bjuu

    ResponderExcluir
  26. Pelo que estou vendo esse post deixou td mundo c/ água na boca.Em casa tinha um fogão desse amarelinho, lindinho demais!!
    bjs querida!!
    lena

    ResponderExcluir
  27. O fogão é um charme, adoro objetos com história, retrô, etc,... eu também uso o meu arroz desde que lançaram, bem prático, não precisa ficar acertando o sal, coloco o envelope e pronto fica delicioso!

    ResponderExcluir
  28. E viva o encanto do vintage! Eu também gostei do fogão azul!

    O arroz ficou perfeito, hã?
    Tenho que procurar esse arroz no supermercado...

    Adoro as tuas ideias!

    Beijos mágicos,
    Hazel
    http://casaclaridade.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  29. É UM BRASTEMP E DOS BONS!!!!!
    menina arroz pra mim é manjar dos deuses!
    arroz, queijo ralado e pimenta biquinho
    bjs
    Lilly
    http://coisadelilly.wordpress.com
    http://blogdareforma.wordpress.com

    ResponderExcluir
  30. Ameiii o seu fogão "novo"!!! ;o)
    Sem flaar que me levou à minha infância, qdo mamys tinha um beeem parecido, só que vermelho, um Dako!!
    Ai, que pena q ela se desfez dele...
    Bateu saudades emsmo... rs

    xerinhos
    Patrícia

    ResponderExcluir
  31. Nossa! parece até um bom prato francês, aqueles todo arrumadinho.
    e o capricho da arrumação na mesa então , ai me deu fome.
    bjs
    Lita

    ResponderExcluir
  32. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  33. Santinha... tô voltando aqui pra agradecer os elogios às nossas colchas. Fiquei TÃO feliz!
    Beijos
    Helena

    ResponderExcluir
  34. Nossa, ao ver seu fogão viajei no tempo. Minha mãe tinha um desses e eu vivia apoiada essas abas observando ela cozinhar!!! lindo, deu saudades, acho que quero um tb!!!

    ResponderExcluir
  35. Yvone, agora eu ri.
    Esse fogão é igualzinho ao que tinha na casa de minha mãe, há alguns anos, só que era vermelho...

    Ah, esse meu arroz é bom mesmo. Já comprei lá em casa.
    Bjks

    ResponderExcluir
  36. Olá Yvone,
    amei o seu fogão, eu tenho o blog www.coisasdaminhacasa.blogspot.com e ja postei a minha cozinha, ainda nao acabei as obras mas tenho algumas inspiraçoes anos 50 na cozinha, e quero muito comprar uma geladeira da epoca e nao consigo como vivo em Angola as coisas aqui sao mais dificeis mas vamos ver passa la no blog e deixa o teu recado sobre a minha cozinha
    bjbj monica

    ResponderExcluir

Fala que eu te escuto



Visualizações

Categorias