sábado, 17 de março de 2012

Guarda roupas – Fashion é ser sustentável

Essa semana além da desintoxicação alimentar (ainda em andamento) resolvi aproveitar o espírito de renovação, para limpar também meu guarda roupas.
À medida que os anos vão passando meu guarda-roupa vai mudando. 
Depois que passei a engordar (segundo as mulheres) e ficar gostosa (segundo os homens), considerando minhas preferências sexuais, desconfio que acreditei demais na opinião deles e acho que me empolguei, fiquei gostosa demais, se é que vocês me entendem.
Atualmente, vestidos curtos e justos deram lugar a outros, mais soltos e compridos, que disfarçam as imperfeições.
Por outro lado, eu que aos vinte anos mal tinha coragem de usar uma blusa de alcinha por causa das saboneteiras, passei a gostar de decotes poderosos, sobreposições com peças transparentes, rendas.
Eu seria hipócrita se dissesse que não me preocupo com os quilos a mais, com a aparência da minha pele, com os cabelos brancos que eu não deixo aparecer de jeito nenhum. Mesmo porque, se não me preocupasse, eu nem estaria escrevendo sobre esse assunto.
Mas, acredito também que a auto-estima e a alegria de viver em alta contribuem muito mais com a beleza do que estar no peso ideal.

Numa rápida olhada, percebi que algumas roupas precisavam de reciclagem – Sabe aquelas peças mais caras que você adora, mas que por alguma razão andam meio encostadas; muito curto, muito comprido, pegando debaixo do braço, levemente apertado ou folgado demais? Então, que tal reciclar antes de descartar a roupa.

Além de aguçar a criatividade e ter um custo praticamente nulo, esta pequena reavaliação faz a gente se perguntar se realmente precisamos comprar tanta coisa nova o tempo todo.
Isso me faz pensar que a indústria da moda também ajuda e muito causar graves impactos não só no meio ambiente como na sociedade, a famigerada cultura do descartável.
Vejam como um olhar mais apurado pode renovar aquelas peças que você tanto ama.
Peças de tecidos mais nobres como seda e renda sempre vale à pena repaginar, ainda mais se estiverem largas, compridas ou curtas demais, ou mesmo ligeiramente apertadas ou simplesmente sem graça. Muitas vezes a gente compra uma roupa legal e encosta por alguma implicância.
Vejam o que podemos fazer com aquela camisa ou gravata do companheiro que ficou esquecida no armário.
Todas as imagens foram garimpadas no Pinterest, We Love It

Procure deixar seu guarda roupa com apenas as peças que são do tamanho certo para você. Assim você terá mais consciência do que fica bom ou não e de quanto quer mudar! Não adianta começar uma “limpeza” e deixar ali coisas que definitivamente você não vai mais usar. 
Que tal chamar aquela amiga do coração e doar algumas peças queridas do seu guarda roupas – Lembra do desapego?

Já comecei a reciclagem de algumas peças, como ainda não tenho uma máquina de costura mandei fazer as reforminhas fora.
E outras estão aqui separadinhas para doar para uma amiga que sei que vai curtir muito.
Beijos e uma ótima semana a todos.

"Mostre-me uma mulher que quer ser magra apenas por razões de saúde e eu lhe mostro um homem que lê Playboy apenas pelas entrevistas".
Ellen Goodman

18 comentários:

Heloísa disse...

Yvome,
Essa ideia de reciclar roupas é muito boa.
Ainda mais quando estamos guardando roupas que sabemos que nunca mais iremos usar, pela mudança das medidas.
Vou ver se me inspiro em você.
Beijo.

Carla Maciel disse...

Eu adorei as idéias de reciclagem!!! mesmo eu, que de três em três meses faço doaçoes de pelo menos uma mala de roupa (como é que pode a gente acumular tanta roupa?) adoro guardar algumas peças preferidas que ficam em um cantinho no armário. Uma costureira na jogada realmente proporciona muitas possibilidades!! Grande abraço e depois dá uma passada no blog para participar do sorteio de um par de casinhas de passarinho artesanais e comemorar comigo 01 ano de arquitrecos!!!
www.arquitrecos.com

Flavinha Gomes disse...

Verdade, Santinha... qdo eu era criança, de família pobre, como minha mãe, além de reaproveitar as coisas de um filho para outro, customizava-as (isso nem tinha esse nome)! E a gente ficava feliiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiz como se ganhasse algo novo!
Bjus, querida.

Sandra Lima disse...

Yvone, eu estou precisando muito fazer isso que você está fazendo. Também fiquei gostosa demais... Parabéns pela coragem, sair do comodismo não é fácil.
Beijos

Paula M disse...

Boas ideias para dar vida nova a tecidos que ainda estão bons. Gostei particularmente da ideia para aproveitar gravatas, muito original!

Um abraço

formaplural disse...

Oi, Yvone, customizar e doar considero excelentes dicas para se viver com armários "desafogados" e com peças que realmente funcionam. Às vezes, tá certo que envolve um treinamento de desapego... Beijo, Helka

Carol disse...

Minhas roupas andam muito apertadas, parece que encolheram na máquina de lavar kkkkkkkkk.
Estou correndo atrás do prejuízo, preciso emagrecer porque não quero desmanchar nadinha, muito menos comprar roupas maiores (Jesus toma conta).
Tenha uma ótima semana.
Beijos

Ana Kroetz disse...

Andei customizando uns shorts de uma amiga...Adorei o resultado! Passa lá no blog prá ver...
Tenha um lindo domingo!
Bjs,Ana

Cristiane Carvalho disse...

Oi lindona, passei pra dizer que Tô com muitas xodades suas, por isso vim até aqui deixar uma bjks doces amos vcs...Cris

urbanascidades disse...

Urbanascidades convida voce e seus leitores para o seu 2° aniversário dia 21 de março. Sarau cultural com música, literatura e poesia, e convidados muito especiais. Não perca!
Um abraço,
Paulo Bettanin

Jussara Neves Rezende disse...

Yvone, adorei vc dizer que se empolgou e acabou ficando "gostosa demais"... rsrs. Que ótimo! Eu acho que comigo aconteceu o mesmo... e estou com o guarda roupa cheio de peças nas quais não caibo mais. Pior (melhor?)é que não fui comprando outras mais adequadas a tanta gostosura... então quase não tenho mais o que vestir... =(
Coisa linda você ter se lembrado de colocar aquele fragmento da Cecília ("quando falo dessas pequenas felicidades certas...") no comentário que fez no meu post! Amei, amei, amei! Obrigada por esse carinho!
Semana linda pra vc!

Eva Sabbado disse...

Bom dia Santinha, adorei essas customizações, que lindas, já customizei muitas roupas, para deixar mais charmosas e vira e mexe,não resisto, tenho que meter a mão, hehe, e dar uma transformadinha, estou numa fase de nada vai fora, isso na casa, nas roupas e fico feliz por isso, cada vez mais contra o desperdício e o consumismo sem freios, acho que é por aí. bjos, flor, boa semana.

Lorena Viana, disse...

Yvone querida, excelente ideias!
Aqui em casa a um tempo atrás comecei a pensar nessas peças que ficam morfadas no guarda-roupa sem nenhuma utilidade! Comecei a renovar, ver o que ainda podia ser reciclado e outros que nem implorando entravam mais, e chamei a velha amiga do coração e doei! Me senti em paz, mais leve.
Sou desapegada demais confesso.
Agora estou entrando também em uma reeducação alimentar, minha saúde está precisando e eu também.
Beijinhos cheio de carinho.
Lorena Viana

Mônica disse...

Yvone
Eu estou tambem com vontade de mudar meu guarda roupa. Mas vou esperar ver como será o inverno
com carinho e amizade de Monica

Talma disse...

Yvone!! Oieeee!!
Pois é...vc sabe que ando simplificasndo ao Máximo ( com "m" maiúsculo) a minha vida, né?
Pois tenho me observado desde que eu morava em Bagé ( João Pessoa veio logo depois) e lá eu percebi que usava basicamente duas calças pretas, bailarinas, tênis ou botina, jaqueta de couro ( era inverno) e camisetas diversas ( não apareciam mesmo).
Já em João Pessoa, no calor, eu tentei diversificar meu roupeiro, mas aquele bichinho chamado vaidade, está afogado dentro do meu tecido adiposo, de forma que fui buscar, agora no calor, outra forma mais prática de me vestir. A resposta foi relativamente simples: calça cotton e blusinha preta de um modelo só. Pois é...eu vou na loja e compro quatro iguais e duas calças. Isso me garante ter roupas sempre limpinhas. O resto? Doação! Não olho e não choro. Encaixoto e tchau. No inverno são três camisetas manga longa, duas calças leggins, botas de qualidade ( não é preço, é qualidade) e um bom (bom mesmo) casaco. Luvas, toucas, cachecóis e polainas de acessório. Tudo isso no meu roupeiro é preto. Simples e combinam entre si. Fiquei com as minhas calças jeans que nem em sonho me entram mais, algumas blusas e claro, as roupas que nem Tim Gunn teria coragem de se desfazer. O resto? Doação.
A cada estação, devido ao desgaste óbvio, vai tudo para doação. Quando refaço as compras, tomo o cuidado de trocar um por um, para não acabar com mais do que realmente necessito. Nossa, pareço uma noviça falando de despreendimento e da total falta de vaidade...rsssss.
Bem, ainda não criei vergonha na cara para tomar uma atitude decente a respeito de mim mesma ( e vc sabe que tenho uma mini academia em casa!).Fiz a cirurgia, retirei tudo o que não prestava mais ( tá sem uso? corta fora, doutor!) e já estou pronta prá malhar. Caminho uma hora com marido, na rua (desviando dos cocôs de cachorros), mas a boca....ah, essa minha inimiga! Me corta as pernas. E também a possibilidade de voltar a usar as minhas velhas calças 38!! Buáááá!!!
Então, até que os mosquitos venham me sugar gordura em vez de sangue, a coisa vai ficando preta - no roupeiro....rssss.
Beijocas amiga e espero a receita da sopa!
Xêro!!

Talma disse...

Credo Talma, mas tu falas, heim!

Lia disse...

Nossaaaaa o blog tá incrível!
Saudades daqui.
Parabéns!

Katia Bonfadini disse...

Yvone, preciso urgentemente me dedicar a separar as roupas que não uso! E tem muitas! Até por comodismo e preguiça mesmo, no dia a dia eu uso o que está a mão e acabo esquecendo peças que gosto no fundo do armário. Tem aquele vestido que adoro, mas está muito justo há 3 anos e não parece que vai voltar a caber tão cedo, tem uma calça listrada que eu adorava, mas está super demodê, tem uma blusa que ficou curta demais e sapatos quase novos que, de tanto tempo guardados, ficaram com a sola ressecada e simplesmente estão se desfazendo!!!!!! Enfim, caos total! Preciso mesmo tirar um dia e me dar de presente essa renovação do guarda-roupas e dos armários da cozinha!!!!! Vou prometer a mim mesma fazer isso quando retornar das férias! Beijão!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails