Ser Verde é Possível

Luminárias feitas com diversos materiais, como carretéis de linha, com com papel reciclado e até utilização de luz de velas em alguns ambientes - tanto no tocante ao material quanto à economia de energia, dois grandes acertos.
Tirando a reciclagem, que podemos e devemos fazer em casa, tente construir uma casa “verde”, adquirir um móvel com madeira certificada? O preço de tudo é muito exorbitante! Não?

Escolher entre ser verde ou não esta em nossas mãos, pois já são fato que diante da crise ambiental do planeta, das alterações climáticas, da poluição, da extinção das espécies, do desmatamento, faz muita diferença as escolhas que fazemos.

Elas são importantes e servem de exemplo para que outros ao nosso redor sigam as mesmas atitudes e, logo, começaremos a ver a diferença.

Mesmo que seja para acompanhar as tendências, usar uma sacola sustentável, comer uma alimentação mais saudável, escolher objetos, roupas e móveis de baixo impacto ambiental, atenção para o que fazemos com nosso lixo de cada dia, são atitudes cada vez mais freqüentes, seja por consciência ecológica, seja por modismo, não importa, desde que o ambiente seja poupado.

Adoro produtos ambientalmente corretos, e empresas que contribuem de maneira séria para proteger a natureza, gerando oportunidades de trabalho em regiões carentes e ajudando na construção de um futuro melhor para todos nós.
Mas, os gastos com produtos alternativos e ecologicamente corretos ainda são em geral 30% mais caros que os tradicionais.


Por outro lado também é fato que se mais pessoas passem a comprar produtos ecologicamente correto mais investimentos poderiam ser feitos a fim de que se obtenham mais produtos de qualidade disponíveis no mercado e mais baratos.

É óbvio que tem de haver um compromisso se quisermos viver uma vida realmente de baixo impacto ambiental. O ideal seria se consumíssemos menos e consumíssemos melhor - Acompanhar esta mudança de mentalidade faria com que as pessoas pensassem antes de comprar - É uma mudança lenta e difícil.

Precisaríamos antes de tudo, abrir mão daquilo que desejamos ter e resistir à tentação de adquirir aquele novo modelo de equipamento e descartar o nosso usado, embora funcionando perfeitamente.

Trocar nosso estilo de vida para uma versão mais verde requer muito mais que comportamento, exige conscientização real.
Lona de caminhão Reciclada, a Lona BR 100 já cruzou as estradas do país com os caminhoneiros e cada peça traz marcas exclusivas: remendos, carimbos e desgastes. Para ganhar vida nova, ela passa por processos de reciclagem, lavagem em altas temperaturas e tingimento. O tecido pode ser aplicado em paredes, estofados, cabeceiras, redes, tendas e tapetes. Em padrões lisos, bordados, estampados e pintados à mão.






Aqui usei uma lona gasta para forrar o piso

Pneu reaproveitado.
Vem de Belo Horizonte, MG, a idéia de reaproveitar pneus usados para dar forma à peça, que leva acabamento artesanal de fibra de taboa. A sustentação do assento fica por conta de tiras trançadas de pneus, recolhidos em borracharias locais. O trabalho das artesãs e irmãs Lúcia Rosalina de Paula e Luciana Rosalina Barbosa, da CWT Design, evita o acúmulo de pneus em aterros sanitários, dando vida nova ao material.
Abaixo do Blog Bem Simples - Passo a Passo

Passo a passo no meu flickr

Somente quando todos perceberem que o verde é a opção mais viável, e começarem a se envolver em campanhas contra sacolas plásticas, contra combustíveis fósseis, contra depredação dos recursos naturais, terá uma sociedade cada vez mais envolvida na questão ambiental e poderemos, então, ver uma enorme mudança de comportamento.

32 comentários:

  1. É possível sim Yvone,mas pena que muitas vezes nem sempre barato.Como no caso de móveis rústicos.E hoje as pessoas enxergam com outros olhos a reciclagem e outros produtos "verde".
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Olá!td bem?
    como sempre, adorei o post...
    e esse puff de pneu? mto legal!
    yvone, esse seu bolo ´de milho está correndo pelos blogs... q doideira!!! ahaha
    vou precisar fazer para provar!
    adorei a ideia da palha na parede... o preço é um pokinhu salgado, mas lindo demais... tem mto a ver com meu quarto....]
    estou esperando vir os moveis doados pela tatá!! vamos ver se a cama com cabeceira vem.. se não vou pensar seriamente nessa ideia!

    beijao
    boa semana

    ResponderExcluir
  3. menina, adorei seu post..., que aula!!
    Assino embaixo de td que vc disse.
    Linda as idéias ecologicas usando pneu.
    Agora, falando sobre a receita do bolo, eu ainda preciso procurar no supermercado se acho a milharina por aqui. Vc ja me disse q qualquer mercado se encontra ..,mas amore eu moro na Italia e aqui provavelmente deve ter outro nome.., claro q assim q testar tiro foto e comento ok?

    ResponderExcluir
  4. adorei o post,
    a idéia dos pneus é mt legal!
    parabens pelo blog... tudo lindo!

    bjs
    van
    vantelie.wordpress.com

    ResponderExcluir
  5. Ivone querida adorei as ideias e realmente essa questao de meio ambiente esta sendo um caso muito serio mesmo, ainda os preços sao meios salgadinhos mas tem ideias que cosneguimos obter na nossa propria casa, eu adorei a ideia do puff de pneus ele ficou uma graça.

    Bjosss

    ResponderExcluir
  6. Oi Yvone!
    Amei aquela foto do sofá revestido de lona!!! Sabe que já pensei em fazer isso aqui em casa, mas ainda preciso procurar pela lona, saber aonde comprar e quanto custa... vc sabe aonde achar?
    Bjks! ;)

    ResponderExcluir
  7. Yvone querida passa lá no meu cantinho conferir o meu novo logo, to te esperando.

    Bjosss

    ResponderExcluir
  8. olá, Santinha!
    esse post foi d+.
    amei, amei, amei!
    a luminária de novelos de barbante!
    o puff de pneu revestido com palha!
    bárbaros!
    tapete de lona de caminhão, qd era criança conhecí uma família mt simples, e, eles usam como tapete. achava aquilo o máximo!
    tenha uma linda semana!!!
    bjkinhas

    ResponderExcluir
  9. Voce tem ideias incriveis para fazer.
    Gostei de tudo ,mas as lonas são verdadeiros trebalhos artesanais
    Parabens

    ResponderExcluir
  10. Yvone,
    passo sempre, mesmo quando não comento.
    Mas esta sua postagem é de arrasar.
    Amei.
    beijo e boa semana.

    ResponderExcluir
  11. Este puf de pneu me deu uma comichãozinha... vou " roubar" os pneus da garagem do maridão, he he. Yvone, eu concordo muito com o que vc disse, principalmente quando a questão é o consumo. Acho que consumimos muito, e sem necessidade. Nos endividamos, quebramos, tudo por conta do consumo. Infelizmente vivemos em uma sociedade em que a base da economia é o consumo. Fico abismada quando ouço falar que alguma montadora de automóveis lançou não sei quantos milhões de carros novos no mercado, onde vai caber tanto carro meu Deus? Mas tem a contrapartida, infelizmente produtos ecologicamente corretos ainda são para poucos, como os móveis de madeira de demolição, como são caros!! Então o acesso fica restrito a quem tem dinheiro e pode " consumir" este produto. Como reciclar está na moda, tem muita madame jogando no lixo seus móveis modernos e trocando por móveis de madeira de demolição. No final, está produzindo lixo do mesmo jeito! O que tem que mudar é a consciência das pessoas, assim até os móveis reciclados vão ficar mais baratos, quando deixarem de ser produtos de "grife". Beijim

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  13. Yvone, é bem isso mesmo que a Isabel falou: não adianta a gente querer reciclar daqui e dali, "pensar verde" no sentido de preservar o planeta, se ali adiante a gente vai colocar uma porta em casa e a de madeira certificada é a mais cara!
    Vc sabe bem disso, porque sentiu na pele, quando construiu sua pousada. Como agora é "chique" ser ecológico, tudo sai pelo olho da cara e mais o nariz.
    Tomara que vejamos ainda, o país respirar melhor, graças as sementes que estamos plantando. O importante AINDA É, que cada um faça a sua parte.
    Lindo post.
    Beijocas!!
    * mandei mail mas voltou, vou tentar o hot.

    ResponderExcluir
  14. Querida, como sempre um post muito útil. Eu acho que é possível sim ser ecologicamente correto sem ser chato. Adorei todas as ideias!
    Super beijo,
    Isa

    ResponderExcluir
  15. Santinha,
    Parabéns!
    Você sempre dando ótimas ideias de bem viver.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  16. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  17. SENSACIONAL !!!!
    Eu e a maioria das pessoas que conheço não são politicamente corretas nas suas atitudes do dia a dia,sei que mudei muito nos últimos anos e rezo o terço aki em casa qtas vezes for preciso p/ que minhas filhas tenham uma visão clara sobre como melhorar a vida no nosso planeta,são pequenas atitudes que temos que mudar, não dói não gente,qdo vejo uma pessoa jogando alguma coisa na rua como se fosse a lixeira da sua casa, fico pasma,muitas vezes ela não tem "cara" de quem faz isso,"educação" é a palavra, no começo pode ser difícil mas não é impossivel, o retorno que recebemos qdo fazemos a coisa certa é tão gde que faz os dificuldades parecerem cada vez menores,então pq não tentar não é?
    bjs querida,
    lena
    wwwartepura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Oi, Yvone!
    Tudo bem? Espero que sim. ;)

    Adorei seu post. Tudo que fale a respeito do que se pode fazer na prática por uma vida mais sustentável é ótimo. Aquelas poltronas feitas com pneu e revestidas com fibras são peças muito bonitas e que eu as teria em minha casa, sem pestanejar.

    Você fez uma ótima seleção com exemplos muito interessantes do que podemos ter em nossas casas e ainda ajudar o meio ambiente de alguma forma.

    Parabéns pelo post.
    :D
    Beijos!

    ResponderExcluir
  19. Amiga,
    Que lição verde, hein? Eu também acho que é necessário se prestar mais e mais atenção nas questões de que devemos usar, como usar e ao se jogar fora - como jogar... Se possível reciclar, doar, customizar, etc.. Vou agora ver o passo a passo dos pneus.
    Abçs,
    Ana

    ResponderExcluir
  20. Adorei os pneus reaproveitados...
    Ajudar a natureza é o que todos deveriam fazer, mas na prática infelismente não é bem assim.

    Abraços!!!

    ResponderExcluir
  21. Que maravilha ver todas essas lindas possibilidades se renovando por algo que nao pensariamos ter uso. A poltroninha de pneu e o maximo!!
    Agora casa verde mesmo, com coisas que vao pesar menos a natureza e a o bolso sao carinhas. So as coisas feitas por proprio punho que ainda podem sair em conta.
    Mas acho toda a logistica da casa verde perfeita!

    bjus

    ResponderExcluir
  22. Uma boa quarta feira, no meio do verde das cidades.
    Com carinho Monica

    ResponderExcluir
  23. Amiga, onde nós vamos parar hein? Tenho vontade de seguir ao pé da letra e ter uma casa verde, mas confesso que não está dentro das minhas possibilidades, embora eu faça o possível. No sábado saí a procura de uma mesa para a impressora e fui até uma loja de demolição, o preço 650,00 e era uma mesinha pequena viu?
    Descobri uma loja de móveis usados que tem umas peças bacanas e mais acessíveis e assim posso contribuir com o planeta. Outra coisa que não uso mais são as sacolas de plástico, levo minha ecobag para todo canto.
    São pequenos gestos, mas tento contribuir com o planeta, na medida do possível...
    Bjokas flor.

    ResponderExcluir
  24. òtimas ideias, ótimas atitudes. Lá em casa, acho que só pneu para aguentar a molecada rsrsrs. Beijo

    ResponderExcluir
  25. oi Santinha

    Maravilhosa postagem, lendo os comentários já falaram tudo..
    Mas quando a reciclagem é linda e maravilhosa como a desses pneus, todos ficamos babando...

    bjus
    ana maria

    ResponderExcluir
  26. Yvone

    Sei sim que você é do tipo que tem consciência a respeito de muita coisa, sobretudo quanto a reutilização de materiais. :D
    Você é uma inspiração, com suas atitudes ecológicas, para muitas de nós nessa blogosfera. ;)

    Fiquei feliz em sentir que você gostou e aprovou o post sobre doações de objetos.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  27. Eu queria ser como voce. Decidida. Eu estou com muita vontade derever Belém do pará, mas não quero ir sozinha.
    A Andrea e a Elisa prometerem. Vou esperar até outubro, que é a festa que quero ir.
    Vamos ver se um dia eu vou em algum lugar sozinha.
    Com carinho Monica

    ResponderExcluir
  28. Esse seu blog eh muito legal!
    Fazia tempo que eu nao vinha por aqui, mas vou vir mais vezes pois adorei.
    bejios

    ResponderExcluir
  29. Menina adorei este post, andei desenhando algumas coisas para fazer com pneu, não tinha visto nada ainda feito. Adorei.
    Estou voltando às visitas.
    Bjs
    Celita

    ResponderExcluir
  30. será que vc poderia me enviar o passo a passo da cadeira feita com pneus para que eu possa encinar as mulheres do grupo de hiperdia de nosso PSF. Estou precisando urgente de novidades como essa pois preciso chamar a atenção delas para que elas façam o tratamento correto , pessoas com depressão só concegue se recuperar se sair de casa e conviver com outras pessoas e para isso estamos usando a curiosidade de cada uma. aguardo resposta

    ResponderExcluir

Fala que eu te escuto



Visualizações

Categorias