Se ele pode adotar você também pode

Filhote de macaco de três meses se segura nas costas de um vira-lata, perto do templo budista de Tung Luang, na província de Chiang Mai, na Tailândia. A mãe do macaco foi morta por caçadores e o cachorro acabou adotando o amigo. Ambos dividem a comida e a água que recebem das pessoas na rua. Fonte: TERRA

Clique para aumentar a imagem e ver a MEL de perto (meu coração está balançando por ela)

Essa abaixo é a A Pérola - Ela tem 2 anos, é mestiça de Labrador e já está castrada e vacinada.
É superdócil e se dá bem com outros cachorros. Embora não seja levada e nem agitada, ela precisa de espaço para correr e brincar. É bastante atenta e toma conta da casa!

Contatos com Denise:mellofo@terra.com.br
(11) 4702-2206 e 8447-4859
Cotia, SP



Que bom seria se todos os humanos pudessem ver a humanidade perfeita de um cão!

Aproveito este post com uma noticia boa - Lembram da Meg que apareceu aqui algumas semanas atrás? Ela FINALMENTE foi ADOTADA!
Agradeço em nome da Meg a todos que se precocuparam e ajudaram com a divulgação.

19 comentários:

  1. aaaiinn...amo muito cachorrinhos...
    e essa Mel, é xará da minha e é linda demais....hehehe

    você vai adotar quando??

    beijoosss

    ResponderExcluir
  2. Yvone,
    acabei de comprar um peludo, como você bem viu.
    Antes, tentei adotar.Alguns probleminhas que tive:
    *animais de pequeno porte (para apê como o meu) quase nunca estão disponíveis para a adoção - infelizmente.
    * entrei em contato com o site http://www.adotaretudodebom.com.br/ patrocinda pela Pedigree interessada em um cão. Acredita que não tive resposta até hoje?
    Mas depois da chegada do Pudim a vida de minha família ficou bem mais completa.
    Por este motivo testemunho aqui que:
    se você tem espaço para acolher a Pérola ou a Mel, por favor levem-as para casa.
    Com certeza sua vida ficarámais especial.
    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Yvone,
    Há poucos meses, praticamente adotamos um golden retriever (labrador)que não poderia continuar na casa dos seus primeiros donos.
    Aproveito para cumprimentar sua mãe pelo aniversário. É hoje que ela faz anos?
    Beijo.

    ResponderExcluir
  4. Amo cachorros....eles são carinhosos, sensíveis e te olhan nos olhos quando o chamamos como poucos humanos conseguem....espero que eles consigam um lar rápido, pois são super lindos.
    Beijokas....

    ResponderExcluir
  5. os animais tem um coraçao melhor que o nosso, eles so matam pra comer e defender, e nos por qualquer coisa...

    e a meg como ta?

    abraço!

    ResponderExcluir
  6. Eu amo cães, assim que dispor de uma casa com mais espaço (pq a minha mal cabe e eu e o namo) com certeza vou adotar um!!!
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. liindo seu blog e sua iniciativa!!!!

    Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  8. Yvone! que lindas que elas são, tu não imaginas o qto me toca o exemplo dos cachorros se eu morasse em uma casa podes ter certeza que as adotaria,tenho duas num apto pequeno minha filha tem dois adotados. As minhas aqui já estão um posso da eternidade nem quero pensar, tenho dificuldades em despedidas dos cães. E qdo olho para os abandonados choro. o cachorro é ser que toca profundamente minha alma. tomará que eles encontrem um bom lar. Bom feriadão beijocas Ana Lucia

    ResponderExcluir
  9. Amiga, juro a você que a Mel também tocou meu coração. Ai...cachorrinho em casa é tão gostoso.
    Não, Talma, isso ainda não te pertence!
    Lindo post amiga!!
    Beijocas!
    * ah, o cano aquele desentupiu! Ufa!

    ResponderExcluir
  10. Santinha, também amei as gaiolas. Olha no meu blog terça-feira fiz o teu risoto de charque e abóbora, adorei, vai lá e olha disse que foi do teu blog que peguei, aqui em casa todos adoraram, vai ser mais um daqueles pratos que fica na familia

    ResponderExcluir
  11. Oi , gosto muito do teu blog, eu tb tenho um blog sobre artesanato em geral e outro sobre culinária
    e agora estou disponibilizando aos meus leitores download gratuitos de revistas encontradas pela net sobre os dois temas culinária e artesanato,os endereços são http://agulhaetricot.blogspot.com e o A la Tita Carré http://alatitacarre.blogspot.com ,visite-me, e também apareça em minha loja online Maison by Tita carré, http://maisontitacarre.blogspot.com e http://www.elo7.com.br/titacarre , beijo.

    ResponderExcluir
  12. Santinha , acho que não entendeste já postei no dia 27/10, e fez muito sucesso. Vai lá ver. Beijocas Ana Lucia

    ResponderExcluir
  13. Olá!!!
    ai, q foto mais fofa!!!
    outro dia aqui no jornal da região passou uma galinha q adotou 3 gatinhos...
    foi o maior custo para a gata (mãe) conseguir se aproximar para amamentar.. e aí então, depois q eles paravam de mamar, ficava com a galinha!! ;)
    num é demais???
    é precisamos aprender um pouco mais com estes bichinhos, né?

    boa semana!

    beijão

    ResponderExcluir
  14. OI Yvone, que lindo post!
    A primeira foto do cachorro com o macaco, me fez lembrar quando eu era crianca, que resgatamos um filhote de mico da fazenda da minha avo e o nosso gato o adotou. Eram como esses dois ai... O miquinho passava o dia inteiro, inclusive dormia nas costas do gato. E o mais engracado eh que tinham a mesma cor acinzentada e afinal ja nao sabiamos quem era quem.
    Muito lindo mesmo!

    ResponderExcluir
  15. Eu sai daqui lendo Marley e eu. Ainda não terminei porque chegamos em caa mesmo foi hoje.
    Eu amo os meus cachorrinhos lá de casa. Aqui não tem como, por causa de mamae.
    Com carinho e ainda querenod ver o que mais escreveu Monica
    Nova York é tudo de bom e bonito.
    Que gente simpatica!

    ResponderExcluir
  16. eu simplesmente ameiiii te recado!!!
    agora vem ver o que que fiz com ele!!!!

    ihihihihi

    Beijos

    ResponderExcluir
  17. Igualzinha minha Lua.
    Não foi essa que adotaram e depois devolveram porque era muito calma?!
    Labradores são agitadíssimos quando filhotes, mas depois que crescem são super calmos,dóceis e silenciosos, quase nem latem... pelo menos a minha é assim.
    Ví tantos blogs que não tenho certeza se é a mesma cachorra, me desculpe se estou confundindo.
    O temperamento do dono tem que combinar com o do bicho.Quem cria para comercializar tem que ter essa preocupação e responsabilidade ao fazer dos animais um negócio. Esse é um dos motivos pelo qual tem tantos bichos abandonados pelas ruas.

    ResponderExcluir
  18. Oi Ivone, adorei te conhecer pessoalmente! Vi a festa da sua mãe, estava divertida hein rsssss
    beijos

    ResponderExcluir

Fala que eu te escuto



Visualizações

Categorias